UOL Pan 2011 Angélica conquista 1ª prata no individual da ginástica rítmica do Brasil em Pans - 18/10/2011 - UOL Pan 2011
  • http://pan.uol.com.br/2011/ultimas-noticias/2011/10/18/angelica-kvieczynski-conquista-primeira-prata-no-individual-para-o-brasil-em-pans.htm
  • Angélica conquista 1ª prata no individual da ginástica rítmica do Brasil em Pans
  • 19/09/2021
  • UOL Esporte - Pan 2011
  • Pan 2011
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Angélica Kvieczynski faz performance na ginástica rítmica na prova das maças

Angélica Kvieczynski faz performance na ginástica rítmica na prova das maças

18/10/2011 - 19h48

Angélica conquista 1ª prata no individual da ginástica rítmica do Brasil em Pans

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Angélica Kvieczynski fez história na ginástica rítmica brasileira. Na noite desta terça-feira ela conquistou a medalha de prata na final das maças e se tornou ginasta com o melhor desempenho no individual em Pans. A melhor colocação obtida anteriormente havia sido o 3º lugar. A brasileira tirou 25,150 e ficou atrás da mexicana Cynthia Valdez, com 25,775. A canadense Mariam Chamilova, recebeu 24,525 e terminou com o bronze.

Brasileiros no quarto dia do Pan de Guadalajara
Brasileiros no quarto dia do Pan de Guadalajara

MAIS BRASILEIROS EM GUADALAJARA

Conjunto da ginástica rítmica leva 3º ouro e fecha Pan com 100% de aproveitamento Leia mais

A atleta fez uma ótima apresentação e não cometeu erros, no entanto no final da performance Angélica atrasou um pouco os movimentos e finalizou a rotina depois que a música de fundo já havia terminado. Ela ainda contou com erros da norte-americana Julie Zetlin, que deixou uma das maças cair durante o último movimento de sua apresentação, o que comprometeu sua nota, deixando-a fora do pódio.

Logo depois da decisão das maças, Angélica disputou a final da fita. Dessa vez ela não obteve o mesmo sucesso e ficou fora do pódio. Novamente, a ginasta atrasou em alguns movimentos, ficando fora de sincronia com a música. Sua nota foi 23,825, que a deixou apenas na 6ª posição. Zetlin ficou com o ouro, Valdez levou a prata e a argentina Ana Carrasco ganhou o bronze.

"Todas as medalhas para mim tiveram gosto de ouro. Nunca saí tão satisfeita de uma competição como estou saindo deste Pan. No começo do ano, nem sabia se eu vinha para o Pan por causa da lesão que eu tive, seguida de uma trombose. Então, tive desempenho melhor do que esperava aqui em Guadalajara", disse a ginasta.

A atleta encerra a sua participação no Pan com um ótimo desempenho. Nas cinco provas que disputou, ela acumulou quatro medalhas, sendo uma de prata e três de bronze.

Em Guadalajara, Angélica se tornou a primeira atleta do país a conquistar uma medalha no individual geral da ginástica rítmica e ganhou o posto de ginasta com o maior número de medalhas em uma única edição da competição.

*atualizado às 20h18

 

Medalhas

  • País
    Ouro
    Prata
    Bronze
    Total
    EUA 92 79 65 236
    CUB 58 35 43 136
    BRA 48 35 58 141

Atletas Brasileiros

  • Veja o perfil dos atletas brasileiros