UOL Pan 2011 Super-homem do atletismo encara recorde de provas: 'estarei muito debilitado no fim' - 25/10/2011 - UOL Pan 2011
  • http://pan.uol.com.br/2011/ultimas-noticias/2011/10/25/super-homem-do-atletismo-encara-recorde-de-provas-estarei-muito-debilitado-no-fim.htm
  • Super-homem do atletismo encara recorde de provas: 'estarei muito debilitado no fim'
  • 27/11/2020
  • UOL Esporte - Pan 2011
  • Pan 2011
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Sandro Viana larga nas eliminatórias dos 100 m rasos; ele foi quarto em sua bateria

Sandro Viana larga nas eliminatórias dos 100 m rasos; ele foi quarto em sua bateria

25/10/2011 - 10h01

Super-homem do atletismo encara recorde de provas: 'estarei muito debilitado no fim'

Alexandre Sinato
Em Guadalajara (México)

Sandro Viana é especialista em uma prova, mas pediu para competir em quatro no Pan de Guadalajara. Para aumentar as chances de medalha do país, ele é o brasileiro que mais participará de mais disputas no atletismo. Assumiu a condição de “super-homem” e já sabe quais serão as consequências. “Estarei muito debilitado no final, muito mal. Vou precisar de férias e muito descanso.”

Brasileiros no décimo dia do Pan de Guadalajara
Brasileiros no décimo dia do Pan de Guadalajara

Aos 34 anos, Sandro tem como principal prova os 200 m rasos. No Pan, contudo, inscreveu-se também nos 100 m rasos (já eliminado) e nos revezamentos 4x100 m e 4x400 m. Da última segunda-feira até o próximo sábado, terá descanso apenas nesta terça, caso o desempenho seja bom nas três categorias que restam.

“Estou tentando ajudar o Brasil a ter o maior número possível de medalhas. A vaga dos 100 m tinha ficado aberta e me ofereci para correr, mas tive só dois dias de treino para ela. Agora vou me concentrar nas outras provas. Foi bom para tirar a tensão e conhecer detalhes da pista, conhecer o público”, avaliou Sandro.

Se Thiago Pereira abraçou oito provas em busca do recorde de ouros no Pan, Sandro Viana adotou a mesma estratégia do nadador. O objetivo, contudo, é contribuir para a meta traçada pelo atletismo brasileiro em Guadalajara: totalizar 20 medalhas. Até a última segunda-feira foram cinco (um ouro, duas pratas e dois bronzes).

O maior problema para Sandro será o revezamento 4x400 m. Como especialista nos 200 m, ele consegue se adaptar melhor nas provas de 100 m, focando mais a aceleração e a parte de força. A dificuldade para ele está em aumentar a resistência para suportar o ritmo dos 400 m em alto nível.

Por sorte, o revezamento 4x400 m será apenas na quinta-feira. E a final é a última prova de sexta e praticamente encerra o atletismo (depois restam apenas marcha atlética e maratona).

“O risco de lesão existe por ser final de temporada, mas estou acostumado a correr no mínimo três provas por campeonato. O recorde foram cinco, mas há muito tempo, em 2001. O maior problema está nos 400 m, que exigem mais resistência. Estarei acabado depois do revezamento e vou precisar de muito descanso para relaxar”, projetou.

Medalhas

  • País
    Ouro
    Prata
    Bronze
    Total
    EUA 92 79 65 236
    CUB 58 35 43 136
    BRA 48 35 58 141

Atletas Brasileiros

  • Veja o perfil dos atletas brasileiros