UOL Pan 2011 Guilherme Toldo perde na semi para norte-americano e fica com o bronze na esgrima - 25/10/2011 - UOL Pan 2011
  • http://pan.uol.com.br/2011/ultimas-noticias/2011/10/25/guilherme-toldo-perde-na-semi-para-norte-americano-e-fica-com-o-bronze-na-esgrima.htm
  • Guilherme Toldo perde na semi para norte-americano e fica com o bronze na esgrima
  • 19/09/2021
  • UOL Esporte - Pan 2011
  • Pan 2011
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Guilherme Toldo perdeu para o norte-americano Alexander Massialas

Guilherme Toldo perdeu para o norte-americano Alexander Massialas

25/10/2011 - 22h24

Guilherme Toldo perde na semi para norte-americano e fica com o bronze na esgrima

Do UOL Esporte
Em São Paulo

O brasileiro Guilherme Toldo perdeu a semifinal da esgrima, categoria florete, e ficou com a medalha de bronze no Pan de Guadalajara. Em combate disputado na noite desta terça-feira, o atleta foi derrotado pelo norte-americano Alexander Massialas por 15 a 7. Na esgrima não há disputa do terceiro lugar.

O caminho até a semi foi difícil e Toldo por pouco não foi eliminado na primeira fase, disputada no sistema de grupos. Na etapa, o atleta venceu apenas um de seus cinco combates e avançou com a 16ª e última vaga para os mata-matas. A passagem para a fase seguinte foi decidida no critério de desempate, graças a um ponto a mais marcado do que o 17º colocado, o compatriota Heitor Shimbo, que ficou de fora.

Brasileiros no décimo primeiro dia do Pan de Guadalajara
Brasileiros no décimo primeiro dia do Pan de Guadalajara

Nas oitavas de final, ele derrotou o norte-americano Miles Chamley-Watson, melhor classificado na primeira fase, por 15 a 13. Pelas quartas ele encontrou menos dificuldades, contra o canadense Etienne Turbide e fechou o confronto em 15 a 7.

A esgrima feminina do Brasil também entrou no tablado nesta terça-feira, mas não conseguiu medalhas no sabre. Élora Pattaro parou nas oitavas, enquanto que Karina Lakerbai saiu ainda na fase de grupos.

ESGRIMISTA USA MAQUIAGEM PARA COMPETIR E NEGA SER PATRICINHA:

Amanda Simeão compete com roupas compridas e máscara. Mal dá para ver seu rosto quando está em ação. Mesmo assim, a jovem de 17 anos faz questão de caprichar na produção. Base, blush, delineador e três camadas de rímel fazem parte dos cuidados básicos da esgrimista para sair na rua.

E todo o ritual se repete antes dos torneios. A vaidade, a fluência em três línguas e outros detalhes de vida da viajada atleta a fazem carregar o rótulo de patricinha. Mas ela garante não ligar: “isso logo se descontrói”. Leia mais

Medalhas

  • País
    Ouro
    Prata
    Bronze
    Total
    EUA 92 79 65 236
    CUB 58 35 43 136
    BRA 48 35 58 141

Atletas Brasileiros

  • Veja o perfil dos atletas brasileiros