UOL Pan 2011 Musa se recupera de revés após 2 dias e leva ouro nos 200 m; masculino é bronze - 27/10/2011 - UOL Pan 2011
  • http://pan.uol.com.br/2011/ultimas-noticias/2011/10/27/musa-se-recupera-de-derrota-apos-dois-dias-e-conquista-o-ouro-nos-200-m-rasos.htm
  • Musa se recupera de revés após 2 dias e leva ouro nos 200 m; masculino é bronze
  • 22/12/2014
  • UOL Esporte - Pan 2011
  • Pan 2011
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Recordista sul-americana dos 100 m, Ana Claudia Lemos se recuperou de revés nos 200

Recordista sul-americana dos 100 m, Ana Claudia Lemos se recuperou de revés nos 200

27/10/2011 - 21h27

Musa se recupera de revés após 2 dias e leva ouro nos 200 m; masculino é bronze

Alexandre Sinato e Roberta Nomura
Em Guadalajara (México)

Ana Cláudia Lemos é a atual recordista sul-americana dos 100 m com 11s15, mas terminou esta prova na quarta colocação no Pan de Guadalajara. Dois dias após ficar fora do pódio, a musa brasileira se recuperou ao conquistar o ouro nos 200 m. A vitória ocorreu nesta quinta-feira, em final que tinha apenas ela como representante verde-amarela. No masculino, o Brasil tinha duas esperanças de título, mas Bruno Lins acabou com o bronze.

Ana Claudia Lemos
Ana Claudia Lemos

O triunfo foi marcado por uma disputa intensa durante toda a prova. A rival da vez foi a jamaicana Simone Facey, mas o ouro foi confirmado pela brasileira, com o tempo de 22s76. A musa logo pegou uma bandeira nacional para comemorar.

Ana Cláudia fez muito bem a curva e entrou na reta liderando, mas quase sofreu com uma intervenção externa. Ela ouviu um apito e deu uma leve desacelerada. "Achei que era para parar. O apito ficou mais forte. Se desacelerasse um pouquinho mais podia ter perdido", falou a cearense de 22 anos. Isso porque Facey apertou nos metros finais e cruzou a linha um décimo atrás da brasileira. O bronze foi para Mariely Hichez, da República Dominicana, com 23s02.

Ana Cláudia Lemos já havia avançado à final com o melhor tempo: fez 22s72 e venceu sua série. A medalha de ouro coroa o bom ano que a velocista fez nos 200 m. Em agosto, Ana Cláudia Lemos obteve sua melhor marca pessoal ao percorrer a distância em 22s48 – recorde sul-americano. E apaga o quarto lugar nos 100 m.

"Antes de entrar no bloco já queria que acabasse logo. Pensei que ia sair como campeão pan-americana ou muito triste. Deu tudo certo. Estou muito feliz e com a sensação de dever cumprido ao trazer mais um ouro para o Brasil. Agora é focar no revezamento", falou.

Bronze no masculino

Com Bruno Lins e Sandro Viana entre os favoritos, o Brasil acabou apenas com a terceira colocação nos 200 m masculino. Bruno fez uma boa largada e foi bem na curva, mas nos últimos cem metros perdeu espaço.

O ouro foi de Roberto Skyers, com 20s37, apenas um centésimo mais veloz que o segundo colocado, o jamaicano Lansford Spence.

Bruno encerrou com o tempo de 20s45, enquanto Sandro - que enfrenta uma maratona de provas neste Pan - foi o sétimo colocado, com 20s94.

A dupla ainda corre o revezamento 4x100 m nesta sexta. Depois disso, Bruno poderá curtir a gravidez de sua mulher. "Ela está de sete semanas, mal tivemos tempo de aproveitar a novidade. Perdi um pouco o ritmo na prova, mas estou feliz com o bronze e feliz por levar uma medalha."

Medalhas

  • País
    Ouro
    Prata
    Bronze
    Total
    EUA 92 79 65 236
    CUB 58 35 43 136
    BRA 48 35 58 141

Atletas Brasileiros

  • Veja o perfil dos atletas brasileiros